top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Yoga Fest Macaé reuniu público diversificado na Praia de Imbetiba

O domingo foi dedicado a práticas relacionadas ao bem-estar físico e mental com o Yoga Fest Macaé, que tomou conta da área do Anfiteatro da Praia de Imbetiba. A primeira edição do evento atraiu praticantes experientes e novos yogis, em práticas dedicadas a todos os públicos, desde as crianças até a terceira idade.


SAUDAÇÃO AO SOL / FOTO: BRUNO TRIGOLY


A programação teve início às 6h, com a prática de 108 Saudações ao Sol (Surya Namaskar) realizada por professores e praticantes. “Foi uma honra conduzir a prática que abriu o festival. Foi maravilhoso! A energia que foi criada nesse grupo se expandiu por todo o evento”, relatou o professor Alan Maavalan.


MEDITAÇÃO ARTE DE VIVER


Ainda durante a manhã, teve prática de alongamento e respiração para despertar o corpo. Em seguida, a aula Yoga para Todos, com adaptações e acessibilidade, uniu jovens e praticantes da terceira idade. Fechando a primeira etapa, a intensa Power Yoga trabalhou força, equilíbrio, concentração e flexibilidade, lotando o espaço.


POWER YOGA

O público infantil teve aula especialmente preparada pelas professoras Marina Germano e Aline César, que usaram estória e diversão para conduzir as crianças na realização de posturas como: árvore, cobra, semente e outras. “Foi muito divertido e relaxante”, comentou a pequena yogini Helena Henrique Pires.



RESPIRAÇÃO E ALONGAMENTO


Em seguida, mais uma dupla se uniu, dessa vez as professoras Karinne Corrêa e Stephanie Watanabe conduziram o público no Hatha Vinyasa, com fluidez e energia nos movimentos para a conexão corpo e mente.


A Fundação Arte de Viver marcou presença com a voluntária Ágatha Antunes que, ao lado do professor de yoga Atma Prakash, conduziu exercício respiratório e de meditação. A voluntária ainda compartilhou conhecimentos acerca dos benefícios das práticas respiratórios para ampliação de estados meditativos e de tranquilização da mente.


Durante toda a programação houve sorteio de brindes de apoiadores, um deles foi um mês de aulas no Spaço Ser e quem levou foi a psicóloga e ambientalista Eloisa Vitiello. “Fiquei muito grata! Foi minha primeira vez em contato com o Yoga, foi uma experiência incrível e imersiva, me senti energizada após a aula. Deveríamos ter mais eventos, para que conhecimentos como esses se tornem mais acessíveis a todos, como foi esse”, comentou.


Música e Yoga


O trio Alan Maavalan, Atma Prakash e Bruno Trigoly usou instrumentos como ukulele, violão, harmônio e cajon para levar música para o Yoga Fest, os professores foram os responsáveis pela roda de mantras, ao final da programação da manhã e da noite. Os mantras são sons que geram uma vibração e sintonização energética e contribuem para que se experiencie estados de bem-aventurança e meditação.


Quem faz o Yoga Fest


O festival foi organizado e produzido pelo grupo dos professores de yoga do município e teve o apoio da Prefeitura Municipal de Macaé, através da Secretaria Municipal Adjunta de Turismo. Foram apoiadores: Associação Muita Mais Imbetiba, Associação Eu amo Imbetiba, Matrioska, Spaço Ser, Yoga Me, Soul Dance Centro Artístico, Estúdio Mosaico Terapias Holísticas, Brunik Estamparia, Fio Orgânico, Gula D, Yogateria, Vida Ecoa, Zenhood, Ekomat, Renove Terapias.


“O objetivo do festival é difundir a cultura do Yoga para mais pessoas. O Yoga Fest terminou, mas o Yoga segue conosco”, professor Marlon Heggdorne.


Dia Internacional do Yoga A data de 21 de junho foi instituída para celebrar o Dia Internacional do Yoga, em assembleia da ONU, no ano de 2014. Sua escolha foi devido ao dia que marca o solstício de verão no hemisfério Norte e recebeu a mais alta taxa de aprovação até então recebida numa assembleia da ONU, com votos a favor por 175 nações. O objetivo é conscientizar sobre os benefícios do yoga, reconhecendo a prática milenar indiana como um caminho para um estilo de vida mais saudável e que contribui para a saúde global. O Yoga é reconhecida como uma ciência da mente, que visa à expansão da consciência e espiritualidade, sem ligação com crença religiosa.


* Texto: Paola Bittencourt - professora de yoga e relações públicas

/ Fotos: Bruno Trigoly e Paolo Bitrencourt



1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page