top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Vacinas de Covid-19 passam a fazer parte do Calendário Nacional de Vacinação

Imunizantes serão ajustados para combater as cepas do vírus circulante


A vacina em crianças de seis meses a menores de cinco anos passa a ser obrigatória

/ Foto: Allexandre Costa


A partir deste mês de janeiro, seguindo as diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS), as vacinas contra a Covid-19 passam a fazer parte do Calendário Nacional de Vacinação de crianças e grupos de risco.


A vacina em crianças de seis meses a menores de cinco anos passa a ser obrigatória. Os grupos com maior risco de desenvolver as formas graves da doença, como idosos, imunocomprometidos, gestantes e puérperas e pessoas com comorbidade também são prioridades.


Os imunizantes contra o coronavírus serão remodelados, assim como a vacina da Influenza (gripe), que muda a cada ano para atender as cepas do vírus que mais circulam no momento. E por esse motivo, a vacinação deve ser atualizada todos os anos para que a proteção seja mantida.


A vacina é disponibilizada nas unidades de saúde que trabalham com o escalonamento, mas o Polo do Turismo vacina todos os dias, das 8h30 às 16h30.


Para receber a vacina, basta procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência. (Confira a listagem abaixo).


Todas as informações em relação a vacinação contra a Covid-19, podem ser sempre conferidas por meio do link https://www.riodasostras.rj.gov.br/vacinacao/.


Grupos priorizados na campanha anual – Serão priorizadas as crianças de 6 meses a menores de 5 anos, idosos, imunocomprometidos, gestantes e puérperas, trabalhadores da saúde, pessoas com comorbidades, indígenas, ribeirinhos e quilombolas e pessoas vivendo em instituições de longa permanência e seus trabalhadores, pessoas com deficiência permanente, pessoas privadas de liberdade maiores de 18 anos, adolescentes e jovens cumprindo medidas socioeducativos, funcionários do sistema de privação de liberdade e pessoas em situação de rua.


Estas condições devem ser comprovadas com a apresentação de laudos e receitas médicas.


Confira a escala de atendimento para a vacinação das unidades de saúde abaixo:

Unidade Básica de Saúde – Jardim Mariléa

Segunda-feira – das 8h30 às 16h30

Junto com o atendimento de vacinação de rotina


Estratégia de Saúde da Família – Mar do Norte

Segunda-feira – 8h30 às 16h30

Junto com o atendimento da vacinação de rotina


Estratégia de Saúde da Família – Cidade Praiana

Quarta-feira – das 8h30 às 16h30

Junto com o atendimento da vacinação de rotina

Estratégia de Saúde da Família – Cantagalo

Quarta-feira – 8h30 às 16h30

Junto com o atendimento da vacinação de rotina


Estratégia de Saúde da Família – Rocha Leão

Quarta-feira – 8h30 às 16h30

Junto com o atendimento da vacinação de rotina


Estratégia de Saúde Dona Ediméia – Nova Esperança

Sexta-feira – das 8h30 às 16h30

Junto com o atendimento da vacinação de rotina


* ASCOMTI Rio das Ostras


Divulgação:








8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page