top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Teatro Firjan SESI Itaperuna será reaberto semana que vem com show de Paulinho Moska

Programação de outubro terá ainda peça com Maitê Proença e show de Luciana Mello, entre outras apresentações


Foto: Divulgação


O Teatro Firjan SESI Itaperuna – um dos únicos ativos do Noroeste Fluminense – reabre as cortinas na semana que vem. No dia 20 (sexta-feira), às 19h, o cantor Paulinho Moska apresenta seu show que celebra 30 anos de carreira, mas os ingressos já estão esgotados. Já a programação completa de outubro, com artistas como Maitê Proença (para a qual restam poucos ingressos) e Luciana Mello, pode ser conferida neste link.

“É com grande satisfação que anunciamos a reabertura do Teatro Firjan SESI Itaperuna, um dos únicos espaços culturais de todo o Noroeste Fluminense. A cultura é também de fundamental importância para o bem-estar dos trabalhadores, e por isso nos orgulhamos de anunciar este retorno tão aguardado por todos”, disse o presidente da Firjan Noroeste Fluminense, José Magno Vargas Hoffmann, acrescentando que as reaberturas fazem parte das comemorações dos 30 anos da Firjan SESI Itaperuna.

As três décadas de carreira serão celebradas num show solo "Beleza e Medo" no palco macaense. Nele, o cantor e compositor guia a plateia por uma viagem poética sobre a vida, através de suas músicas autorais - novas e antigas - e de algumas composições que o inspiram.

Com uma pegada mais pop rock, o repertório inclui músicas de seu último trabalho, que caminham juntas com grandes sucessos, como "Pensando em Você", "Idade do Céu" e "Namora Comigo", e com canções como "Metamorfose Ambulante", de Raul Seixas, e "Um Girassol da Cor de Seu Cabelo", de Lô e Márcio Borges. Paulinho Moska vem acompanhado por Larissa Conforto (bateria), Lancaster (baixo), Miguel Bestard (guitarra) e Tibi (teclados). A direção musical do show é de Rodrigo Suricato (vocalista e guitarrista do Barão Vermelho).

Para marcar esta reestreia, ao longo de outubro as unidades de Macaé e Itaperuna receberão três atrações de renome nacional: show dos 30 anos de carreira de Paulinho Moska, na reinauguração; a peça “O Pior de Mim”, com Maitê Proença; e show de Luciana Mello. A venda dos ingressos ainda não foi aberta e será divulgada no momento oportuno.

“A Firjan SESI fecha um ciclo ao devolver à população os espaços culturais que ficaram impedidos de funcionar por conta da pandemia. O público e os artistas recebem este presente tão importante para as cenas culturais dos municípios e para o bem-estar e a saúde mental dos moradores dessas cidades”, disse a gerente executiva da Regional Firjan SENAI SESI, Ivana Licurgo.

Reabertura

Em meio à retomada cultural viabilizada pelo avanço da vacinação, o período em que ficou fechado por medidas sanitárias, o espaço passou por uma série de manutenções internas. O espaço de Itaperuna conta com 252 lugares, e o de Macaé (também reaberto no dia 6 de outubro), 197. Todos foram fechados em março de 2020 – depois de o Governo do Estado decretar as medidas de isolamento por conta da pandemia de Covid-19 –, e tiveram de passar por um rigoroso processo de manutenção, contratação e legalização.

“Precisamos compreender que a reabertura dos nossos teatros representa desenvolvimento econômico. Por exemplo, se o Teatro Firjan SESI Centro é reaberto, todo o entorno passa a se movimentar. A vocação da Firjan é apoiar a cadeia produtiva e é fundamental o entendimento das artes, de maneira geral, como parte da Indústria Criativa, que gera empregos, que desenvolve a economia, que leva música, teatro, dança, circo para os mais diversos locais do estado”, afirma Leonardo Edde, presidente do Conselho da Indústria Criativa da Firjan.

“A descentralização da Cultura é um desafio tanto das políticas públicas quanto das instituições privadas. Reabrir esses dois teatros da Firjan SESI nas regiões Norte e Noroeste representa um ganho importante para os moradores desses territórios. Formar e qualificar novas plateias, através da experiência com as artes, é uma oportunidade de formarmos uma sociedade mais plural. A Cultura está no DNA do Rio de Janeiro e é necessário pensá-la enquanto desenvolvimento econômico, social, educacional e simbólico”, reforça o coordenador de Cultura e Educação da Firjan SESI, Antenor de Oliveira.

Ao longo dos próximos meses, a programação, divulgada mensalmente, contará com shows e espetáculos teatrais infantis e adultos. O último Edital de Cultura da Firjan SESI selecionou 70 projetos artísticos que irão compor a programação em todo o estado do Rio.

Programação de outubro:


Foto: Divulgação


• Teatro Firjan SESI Itaperuna

Sexta-feira (20/10), às 19h: Show de reabertura com Paulinho Moska

Sábado (21/10), às 19h: Teatro “O Pior de Mim”, com Maitê Proença

Domingo (22/10), às 16h: Teatro Infantil “A pequena vendedora de fósforos”

Sábado (28/10), às 20h: Teatro “Amor de outras revoluções”

Domingo (29/10), às 19h: Show com Luciana Mello


* Felipe Sáles / Assessor de Imprensa / Gerência de Imprensa e Conteúdo (GIM)

Firjan Norte e Noroeste Fluminense


3 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page