top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Solar Monte Elísio: Walking Tour encanta com passeio pelo prédio histórico

Prédio histórico atualmente abriga parte do Colégio Castelo e foi construído a partir de 1852 pelo Visconde de Araújo


Um passeio histórico pelo Solar de Monte Elísio, nesta sexta-feira (21), encantou os participantes do Walking Tour Macaé, realizado pela Secretaria Municipal de Turismo. O prédio histórico atualmente abriga parte do Colégio Castelo e foi construído a partir de 1852 pelo Visconde de Araújo como presente para sua esposa, a viscondessa Luiza Leopoldina de Araújo. As próximas edições de visita guiada ao local acontecem nos dias 28 de junho e 5 de julho.



A preservação da construção com detalhes da época em que foi elaborado chamou a atenção dos participantes e foi destacado pela diretora da instituição, a Irmã Carmelita Agrizzi que falou da alegria em receber o grupo. “Estamos muito felizes em poder abrir as portas para que as pessoas vejam e conheçam mais sobre a história desse espaço que também faz parte da história da cidade. É um orgulho imenso podermos cuidar dessa casa e contribuir para que ela se mantenha preservada”, afirmou a anfitriã que conduziu o grupo por algumas salas.



A guia de Turismo e responsável pelo projeto, Paloma Rosa, apresentou aos participantes relíquias do espaço, como a escadaria, totalmente construída por encaixe, sem pregos ou parafusos e que traz em seus degraus o monograma V.A., iniciais do Visconde de Araújo.



“Essa casa foi construída repleta de requinte e de afeto, já que o Visconde queria mostrar todo o seu amor e não poupou investimentos com peças trazidas da Europa e usadas durante a obra”, explicou, acrescentando que o nome Monte Elísio foi inspirado no nome da famosa avenida francesa, a Champs-Élysées.



A chance de conhecer mais sobre a história da própria cidade despertou o interesse de Emely Fontes. “Eu queria saber mais sobre a história de Macaé com quem realmente sabe e o projeto despertou a minha curiosidade para entender ligações, por exemplo, que eu não sabia, como a da antiga Câmara com o Castelo, que pertenciam à mesma família. Sou macaense, então, fico muito feliz pela oportunidade de conhecer mais sobre esse lugar que eu amo”, apontou.



Anita Gomide também é amante da história de Macaé e disse que o Walking Tour permite o acesso a muitas informações que não são de conhecimento público. “Tem muita coisa que a gente não aprende na escola. Então, sempre quando tem um evento assim eu procuro participar. A escada, por exemplo, já conhecia a história dela e hoje tive a oportunidade de subir por ela. O projeto é muito bacana, afinal, quanto mais a gente conhece, mais a gente aprende a valorizar!”, ressaltou.




O Walking Tour oferece visitas guiadas e gratuitas a patrimônios históricos da cidade. Os passeios são oferecidos às sextas, sempre a partir das 15h. Interessados podem se inscrever pelo e-mail macaewt@gmail.com.



* Texto: Jornalista Juliana Carvalho / Foto: Rui Porto Filho/ Comunicação Macaé


Divulgação:



23 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page