top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Programação do Cevas tem mutirão em 10 bairros de Macaé


A proposta é enfatizar ações para combater o mosquito Aedes aegypti

Foto arte: Reprodução internet


A Secretaria de Saúde de Macaé prossegue com as ações contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. Entre os próximos dias 16 e 18, agentes de combate a endemias da Coordenadoria Especial de Vigilância Ambiental em Saúde (Cevas) farão mutirões em 10 bairros do município, promovendo controle, orientações com visitas de casa em casa e pulverização com carro fumacê.


As visitas domiciliares têm como objetivo eliminar os criadouros do mosquito e intensificar os cuidados para o controle da doença em Macaé. Os agentes percorrerão as residências e comércios em Imbetiba, Nova Malvinas, Jardim Vitória, Miramar, Bairro da Glória, Cavaleiros, Barra/Brasília, Jardim Carioca I e II, Lagomar e Córrego do Ouro.


Na ocasião, os agentes irão fazer o tratamento com larvicida e orientações aos moradores sobre a importância de verificar locais como caixas d'água, calhas, pratos de vasos de plantas, ralos, latas, garrafas, pneus e outros locais onde o mosquito pode se reproduzir.


Agenda


A equipe da Cevas também realizará o serviço de pulverização com carro fumacê de quinta a sábado, sempre às 5h e às 18h, em locais diferentes. Na quinta-feira (17), o carro UBV estará no Lagomar às 5h e às 18h, no Parque Aeroporto. Na sexta (18), o trabalho será às 5h no Miramar e às 18h, no Parque Aeroporto e no sábado (19), na parte da manhã no Lagomar e às 18h, na Virgem Santa.


O Cevas Itinerante estará nos dias 16 e 17, no Jardim Carioca I e Carioca II. Os agentes também realizam a inspeção dos pontos estratégicos, como borracharia, ferro velho, órgãos públicos e privados, dos bairros Lagomar, Riviera Fluminense, Barra, Aroeira, Imboassica, Virgem Santa e Centro, eliminando os criadouros e fazendo a aplicação de inseticida de ação residual nos depósitos através de bombas aspersoras.


Cuidados


A orientação é manter os quintais sempre limpos, recolher, eliminar ou guardar longe da chuva todo objeto que possa acumular água, como pneus velhos, latas, recipientes plásticos, tampas de garrafas, copos descartáveis, entre outros. O lixo doméstico deve ser acondicionado em sacos plásticos e descartado adequadamente, em depósitos fechados.


Depois da chuva, é recomendado fazer a vistoria no quintal e na casa para eliminar a água acumulada sobre lajes, calhas, tanques, pratinhos de vasos de planta. Baldes, potes, bacias e outros recipientes que guardam a água de beber e para outros usos domésticos, assim como a caixa d'água, devem ser mantidos limpos e fechados para evitar o risco de proliferação do mosquito.


* Jornalista: Genimarta Oliveira / Comunicação Macaé


Divulgação:




Macaé - RJ




24 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page