top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Macaé propõe a Petrobras parceria para incentivo a pesquisas de inovação



A construção de parcerias para o desenvolvimento de pesquisas de inovação ligadas à indústria de óleo, gás e energia foi proposta por Macaé junto a Petrobras, com objetivo de integrar o centro acadêmico da cidade às transformações sociais e econômicas já registradas pelo município diante da nova dinâmica do mercado offshore nacional.


A definição de projetos que conectem a Cidade Universitária junto Centro de Pesquisas e Desenvolvimento (CENPES) da Petrobras foi debatida nesta terça-feira (31) pelo prefeito Welberth Rezende ao receber o Gerente Geral da Unidade de Negócios da Bacia de Campos (UN-BC), Wlisses Menezes; a Gerente de Relacionamento com Poder Público da Petrobras, Caroline Vollu e o Coordenador de Planejamento e Gestão da Inovação do CENPES, Carlos Beckman Gama.


“É sempre importante fortalecer laços com a Petrobras, que reconhecemos como pilar fundamental da realidade econômica e de desenvolvimento da nossa cidade. Aprimorar essa relação é trazer benefícios para a nossa população que concentra a expertise que tornou o mercado offshore do Brasil em potência mundial. Investir em pesquisa é planejar o nosso futuro. E isso é o que nós queremos”, declarou o prefeito.

Junto à Petrobras, Macaé propõe a definição de projetos de incentivo à inovação dedicada a propor soluções para a indústria de óleo e gás, a partir das pesquisas já produzidas por centros acadêmicos do município. Para a estatal, a proposta segue o planejamento de revitalizar e elevar a capacidade de operação e produção da Bacia de Campos.

“Seremos parceiros sim na construção de iniciativas de apoio às nossas atividades. Vivemos hoje um novo momento de revitalização da Bacia de Campos, com a instalação de cinco novas unidades de operação em cinco anos, gerando investimentos de 18 bilhões de dólares com perspectiva de aumentar em até 50% a capacidade de produção nesta região. As pesquisas e a inovação são essenciais a esta nova fase”, pontuou Wlisses.

A reunião tornou viável a consolidação de projetos de conexão entre a Cidade Universitária e o Centro de Pesquisas da Petrobras. “O nosso intuito é expandir os centros de pesquisas sempre, superando desafios através da inovação. E esperamos contar com a comunidade técnico científica de Macaé para participar desses projetos”, considerou Carlos Beckman.

Projetos de inovação


Ao concentrar um dos principais polos acadêmicos do Estado, Macaé se propõe a fazer a ponte entre a Petrobras e demais empresas gigantes da indústria de óleo, gás e energia, e os polos de pesquisas que ajudam a aprimorar as operações, atuais e futuras, na Bacia de Campos.

Segundo Flaviá Picon, Secretária de Ensino Superior, a proposta de cooperação entre a prefeitura e a Petrobras tem como base viabilizar a definição de projetos e estruturar programas de incentivo para a comunidade acadêmica da cidade, preparada para assumir estudos que irão propor inovações importantes para o segmento de óleo, gás e energia.

“A pesquisa e a inovação também são vocações da nossa cidade que hoje concentra um centro acadêmico de ponta, capaz de abraçar projetos de inovação da Petrobras e demais operadoras da indústria de óleo e gás, contribuindo com o desenvolvimento desta atividade essencial a Macaé, ao Estado e ao país”, disse Flávia.

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) também faz parte desta conexão proposta por Macaé no desenvolvimento de pesquisas dedicadas a propor soluções para a cadeia produtiva offshore. “A ANP está à disposição para viabilizar essa parceria que certamente auxiliará de forma direta as transformações registradas hoje na indústria”, afirmou Alfredo Renault, superintendente de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PD&I) da ANP.

A inovação também surge como perspectiva de fortalecimento de Macaé como polo de desenvolvimento regional. “Fortalecer a cadeia produtiva de óleo e gás em todos os seus aspectos, desde a produção até a inovação, é o caminho para tornar a nossa cidade cada vez mais forte”, destacou Rodrigo Vianna, Secretário de Desenvolvimento Econômico.

A reunião também contou com a participação de Thiago Rocha, Secretário de Políticas Energéticas.

* Texto: Márcio Siqueira / Fotos: Bruno Campos / Prefeitura de Macaé


Divulgação:





Luciana Perfumes e Presentes / 22 99824-9701 / Macaé - RJ



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page