top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Macaé: Novos integrantes do Nova Vida iniciam atividade


Adolescentes foram convocados na primeira chamada do processo seletivo


Cerca de 60 adolescentes que foram convocados e habilitados na primeira chamada do Processo Seletivo Simplificado do Programa Nova Vida começam a atuar a partir desta quinta-feira (2) nas secretarias operacionais, conforme o edital n.º 003.1/2022. Para melhor se adaptar ao programa, eles participaram nesta quarta-feira (1) de um encontro específico de boas-vindas e orientações para os novos integrantes, no Paço Municipal.

Na oportunidade, eles receberam o regimento e receberam informações de como devem se comportar no atendimento ao público e junto aos órgãos municipais. Entre as dicas estão ter assiduidade, pontualidade, asseio, participação, interesse e cordialidade. “Parabenizo ao Governo Municipal pelo programa, aos profissionais da secretaria e aos novos integrantes que estão sendo preparados para começar a atender os órgãos. Este é um pontapé para uma escalada de conquistas. A oportunidade de ingressar no programa vai contribuir e refletir no futuro de cada um”, explicou o secretário de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade, Fabrício Afonso, ao anunciar que outros encontros vão acontecer com futuros integrantes que serão chamados por etapas, a partir deste mês de fevereiro.

Durante a capacitação, pais, responsáveis e participantes do programa puderam tirar dúvidas e saber mais a respeito das atividades que vão exercer. Entre eles estava Bradley Wallace, de 15 anos. Acompanhado pela mãe Bianca Miguel, o estudante do Ensino Médio se disse feliz e ansioso de estar prestes a ser integrante do “Nova Vida”. “Estudei muito e sonhava com a minha aprovação. Agora é só começar”, contou o jovem que ficou entre os primeiros classificados no processo seletivo. Da mesma opinião é a aluna do Colégio Municipal Ancyra Gonçalves Pimentel, Maria Isabele Barcelos. “Estou nervosa e emocionada. Me tornar ‘Nova Vida’ será um sonho realizado”, comentou ao lado da mãe Mônica Barcelos.

Para o coordenador do programa, Douglas Fontes, esta é uma oportunidade que vai contribuir com a vida de todos os jovens. “Estamos recebendo os 60 primeiros habilitados, que já passaram por entrevistas. Está prevista mais uma chamada ainda neste mês. Teremos cursos, palestras e nossa equipe multidisciplinar continuará atuando. A avaliação será através de visitas domiciliares, treinamento e acompanhamento pedagógico, psicológico e social. Temos muito trabalho pela frente e estamos com muitas expectativas”, ressaltou.

Programa - Os participantes são jovens de 14 a 17 anos de idade, moradores no município, oriundos de famílias de baixa renda e matriculados na rede pública de ensino. O município considera que o Nova Vida e o Guarda Mirim são programas sociais que oportunizam aos jovens carentes a integração nas atividades educacionais nos termos da Lei Municipal nº 2.606/2005, em atendimento às demandas apresentadas pelas secretarias municipais de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade e de Ordem Pública. O objetivo dos programas sociais é contribuir para a permanência dos jovens nos espaços escolares, como mecanismo de incentivo à elevação de sua escolaridade, oferecendo a eles oportunidades de aprendizagem para a qualificação e profissionalização para o mercado de trabalho.

* Jornalista: Joice Trindade / Fotos: Moisés Bruno / Comunicação Macaé


Divulgação:





Macaé RJ




8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page