top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Firjan Norte se reúne em Macaé com a Unidade de Negócios da Petrobras na Bacia de Campos

Encontro foi para aproximar a companhia da Comissão Municipal da Firjan em Macaé. Empresa e instituição também vão trocar informações sobre as necessidades de qualificação profissional na região


Foto: Divulgação


Um grupo de empresários e técnicos da Firjan esteve Macaé para uma reunião com a Unidade de Negócios da Petrobras na Bacia de Campos, com o objetivo de estreitar o contato das lideranças empresariais locais com a companhia, a fim de acompanhar de perto as perspectivas de investimentos e as necessidades de qualificação profissional do mercado de óleo e gás. Na ocasião, a federação se comprometeu a formalizar um convite para que a Petrobras volte a integrar a Comissão Municipal da Firjan, que se reúne mensalmente para discutir reivindicações em prol do desenvolvimento da cidade e da região.

“Essa aproximação de empresários locais com a maior empresa brasileira de petróleo é de fundamental importância. Conhecer a fundo as previsões de investimentos é uma oportunidade de prepararmos nossas empresas para as possibilidades de novos negócios, assim como direcionarmos os cursos da Firjan SENAI para as urgências que o mercado exige atualmente e no futuro próximo”, afirmou o presidente de Firjan Norte Fluminense, Francisco Roberto de Siqueira.

O coordenador da Comissão, Gualter Scheles, lembrou que a companhia participava ativamente das reuniões da Comissão antes da pandemia de Covid-19, e reafirmou a importância dessa reaproximação. O gerente-geral da Unidade de Negócios da Bacia de Campos, Alex Murteira Célem, mostrou receptividade para colaborar com a federação.

“Passamos agora por um momento muito especial na Bacia de Campos, cujo futuro muito nos anima. Temos a intenção de retomar essa parceria com a Firjan e vamos avaliar as possibilidades da companhia nesse sentido”, destacou Alex Murteira Célem.

A reunião, que aconteceu nesta terça-feira (24/04), contou ainda com a participação do empresário e membro da Comissão, Cliton Santos; do gerente de projetos de Petróleo, Gás e Naval da Firjan, Thiago Valejo; da gerente executiva regional da Firjan SENAI SESI, Ivana, Licurgo; entre outros representantes da Firjan e da Petrobras. Ivana destacou a importância de conhecer as carências de profissionais especializados no mercado de óleo e gás da região. Os representantes da Petrobras destacaram que há um grupo de trabalho especializado no tema, e se comprometeram também a compartilhar as informações para que a Firjan SENAI ofereça cada vez mais cursos com foco nessas carências.

A Bacia de Campos passa por um forte processo de descomissionamento das plataformas antigas, com o objetivo de aumentar a produção dos campos maduros. Este processo representa também um novo mercado de trabalho para as empresas que compõem o ecossistema do mercado de óleo e gás, presente especialmente em Macaé. Segundo a Petrobras, a estimativa é de que sejam investidos US$ 18 bilhões de dólares nos próximos cinco anos apenas na Bacia de Campos, com cinco novos sistemas de produção. Além da Petrobras, hoje atuam como operadoras de plataformas na Bacia de Campos a brasileira 3R Petroleum e a francesa Trident Energy.

* Felipe Sáles / Assessor de Imprensa / Gerência de Imprensa e Conteúdo (GIM)

Firjan Norte e Noroeste Fluminense


7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page