• Jornal Esporte e Saúde

Com novos consultórios, Odontologia de Macaé amplia atendimentos



A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Coordenação Especial de Odontologia, vem ampliando o acesso da população ao serviço odontológico. São 50 unidades espalhadas por toda Macaé, no perímetro urbano e na região serrana.




Em julho deste ano, a coordenação assumiu mais uma missão, com a inclusão das unidades odontológicas fixadas nos postos da Estratégia Saúde da Família (ESF). "Estamos trabalhando para reativar os consultórios. Já fizemos as adequações necessárias e reabrimos três consultórios: no Botafogo, Fronteira e Malvinas B. O próximo consultório que iremos inaugurar será na ESF da Aroeira", afirmou a coordenadora de Odontopediatria, Carla Bittencourt.



Além das unidades nos bairros, a Coordenação Especial de Odontologia conta ainda, com o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) e o Pronto Socorro Odontológico, com atendimento 24 horas. No mês de julho, o serviço 24h, atendeu 2.517 pessoas, já no CEO foram 1.128 pessoas.



De acordo com a coordenadora, ao longo destes 19 meses, o trabalho foi intensificado para que a fila de espera fosse reduzida. "Na área de clínico geral, tínhamos uma fila com 2.200 pessoas em espera e, hoje, são 65. Com o mesmo empenho estamos atuando nas especialidades. Para Bucomaxilofacial, eram 1.672 e, atualmente, são 17. Para endodontia, eram 1.298 e, hoje, são 05. Na pediatria, eram 3.231 em espera e, atualmente, são 09. Já na periodontia, de 927, caiu para 07. No caso de pacientes especiais, de 1.221, foi para 138 e de, prótese dentária, de 1.014, caiu para 433 pessoas em espera", falou.



Carla frisou, que o serviço de prótese dentária será ampliado. Por mês, são confeccionadas 60 próteses. "Estamos finalizando o processo de contratação para a confecção de mil próteses", disse.



Pacientes - O representante comercial Paulo César Venâncio contou que ele, a esposa e a filha são usuários do serviço odontológico da rede municipal de saúde. "Estou aqui fazendo o meu tratamento há três meses. O serviço é de qualidade e a equipe é muito competente e atenciosa. Desde a recepção, somos muito bem recebidos", pontuou.


A avó do pequeno Luiz Felipe, de 5 anos, Vanuza Marques, leva o neto semanalmente para fazer tratamento. "O Luiz Felipe chega aqui e nem parece que vai ao dentista, logo pergunta pelas tias. As profissionais são muito carinhosas e pacientes, ele fica tranquilo e até fica sozinho com elas", falou


* Prefeitura de Macaé \ Secretaria de Comunicação Social \ Coordenadoria de Jornalismo

Fotos: Rui Porto Filho


Divulgação:




7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo