• Jornal Esporte e Saúde

Centro de Formação Artística de Rio das Ostras implanta software gratuito de gestão pública

Com o sistema e-cidade será possível unificar dados dos alunos, facilitar lançamento de notas e impressão de documentos



Com o sistema será possível unificar dados dos alunos, facilitar lançamento de notas e impressão de documentos - Foto: Mauricio Rocha.


Integrar todas as informações relacionadas aos alunos em uma única base de dados, facilitando a impressão de documentos, como histórico escolar, e o lançamento de notas. Esses são alguns dos benefícios do software público de gestão municipal e-cidade, que é gratuito e está sendo implantado no Centro de Formação Artística, unidade da Fundação Rio das Ostras de Cultura.


Com cerca de 700 alunos matriculados em cursos regulares básicos e técnicos nas modalidades de dança, teatro e música, o Centro de Formação Artística de Rio das Ostras não possuía ainda um cadastro único dos estudantes. A implantação do e-cidade foi possível por intermédio de uma parceria da Fundação com a Secretaria de Educação, Esporte e Lazer e a Assessoria de Comunicação Social e Tecnologia da Informação da Prefeitura.


“Quando terminava o ano letivo, levámos até dois meses para finalizar a documentação escolar. Com a informatização e integração dos dados, isso vai ser muito mais rápido. Vamos economizar tempo e recursos, garantindo um melhor atendimento dos alunos”, explica a pedagoga Lilia Rodrigues, supervisora de ensino do Centro de Formação Artística.


Os professores e técnicos administrativos que atuam no Centro de Formação Artística vão passar por um treinamento para usar o módulo Educação do sistema e-cidade. Segundo o coordenador de Tecnologia de Informação da Secretaria de Educação, Anderson Pinheiro, que implantou o software, seus recursos são de fácil utilização e grande eficiência.


“De qualquer computador conectado à internet, o professor poderá lançar as notas de seus alunos. Outra vantagem é que o sistema unifica os dados, evitando que se tenha mais de um cadastro do mesmo estudante”, detalha Anderson, que é analista de sistemas.



Professores e técnicos administrativos do Centro de Formação Artística vão passar por um treinamento para usar o e-cidade - foto: Mauricio Rocha.


O Centro de Formação Artística contava com dois computadores e agora tem quatro para facilitar o acesso dos profissionais ao e-cidade.

* Secom Rio das Ostras.


2 visualizações0 comentário