• Jornal Esporte e Saúde

“Casa de Pai João”, promove tarde de palestras com temática antirracista e novembro azul


Foto: Divulgação


Na semana marcada por duas celebrações importantes para contribuição quanto a construção de uma sociedade cada vez mais igualitária, o Dia da Consciência Negra, 20 de novembro, que neste ano cai neste domingo, e o Dia da Umbanda, celebrado na quinta-feira (15), a Casa de umbanda de Pai João (Ilê Omin Axé d`Oxum), filiada ao Xangô Menino, localizada no bairro Lagomar, sob a diligência do Babalorixá Anderson d´Oxum (Yekolemin), promove gratuitamente a toda comunidade, uma tarde de orientações quanto ao combate ao racismo. A palestra será ministrada pela educadora e ativista Kátia Magalhães na tarde deste sábado (19), com início às 14h.

Kátia Magalhaes e Anderson Fernandes / foto: Divulgação

Na oportunidade também ocorrerá orientações quanto a campanha de conscientização da saúde masculina e feminina. As palestras ficam por conta da Acadêmica de Enfermagem Caren Ramos e dos Técnicos de Enfermagem, Suelen Aguiar e Avlis Notgnilew.

Baba Anderson Fernandes / foto: Divulgação

No momento em que há um aumento no número de casos de racismo e intolerância religiosa na cidade, a ação se faz mais que necessária não só para os fiéis, mas também a toda comunidade. “Nossa casa tem um compromisso com o combate ao racismo, a intolerância religiosa e a qualquer tipo de preconceito e desigualdade. A umbanda é fundamentada na caridade, por isso, estamos promovendo essas palestras como forma de cuidar de nós mesmos, do próximo e da nossa comunidade, através das orientações antirracistas e também de saúde masculina e feminina”, destaca o Baba Anderson.

Este é o primeiro evento de palestras promovido pela casa, é o início de um projeto que visa debater diversas temáticas ao longo do próximo ano. O evento é gratuito. A casa de Pai João fica localizada na Avenida Sérgio Vieira de Melo, Travessa 28, no bairro Lagomar, em Macaé.


* Laís Monteiro / @monteiro.assessoria

3 visualizações0 comentário