• Jornal Esporte e Saúde

Carnaval: entenda as consequências do descarte incorreto de lixo

Mesmo com restrições pela pandemia, durante o feriado resíduos podem se acumular e trazer muitos problemas se forem parar nos lugares errados



Apesar das medidas municipais que restringem aglomerações em áreas públicas e privadas durante o período de Carnaval para conter o avanço da pandemia, Macaé e Rio das Ostras receberão muitas pessoas com o feriado nos próximos dias. Sendo assim, além dos cuidados com a Covid-19, a BRK, concessionária responsável pela coleta e tratamento de esgoto nos dois municípios, alerta que outra questão merece atenção: o destino do lixo. No Carnaval, latas de alumínio, garrafas e copos, papeis e plásticos se acumulam e podem trazer muitos problemas se forem parar nos bueiros. Já dentro de casa, o perigo está no que corre pelos ralos.

Além do impacto ao meio ambiente, no sistema de esgotamento sanitário estes materiais impedem o escoamento adequado do esgoto, podendo gerar mau cheiro e até mesmo retorno para dentro das residências. Por isso, no Carnaval é importante que todos contribuam fazendo o descarte correto do lixo e, claro, passando a folia, seguir com todos os cuidados ao longo do ano.

- O descarte incorreto de resíduos impacta diretamente na vida da população e é uma ameaça ao meio ambiente. Mesmo o lixo descartado pelos vasos sanitários ou ralos de pias e chuveiros, que muitos consideram não gerar problemas, trazem consequências ao sistema de esgotamento sanitário. O entupimento impede o escoamento adequado e o retorno do esgoto pode colaborar para a proliferação de doenças - explica Renato Miranda, gerente de Operação da BRK em Macaé e Rio das Ostras.


Como contribuir?

Ao longo de todo ano, é importante despertar a consciência coletiva e lembrar de sempre procurar o descarte correto para cada resíduo. E durante o Carnaval, algumas atitudes podem fazer uma grande diferença. Por exemplo, utilizar o próprio copo evita o uso excessivo de plástico (copos descartáveis). Levar um saco para recolher as latinhas para reaproveitamento também é uma boa alternativa. Até mesmo na hora de escolher a fantasia, preste atenção em detalhes como glitter e fitas, que desgrudam das roupas e caem nas ruas ou escorrem pelos ralos durante o banho. Inclusive, há versões se glitter sustentáveis no mercado.

Além disso, é importante lembrar que os resíduos mais usuais, como restos de comida, fios de cabelo, fio dental, papel higiênico, cotonetes, absorventes, fraldas, tecidos e sacolas plásticas também devem ser destinados aos locais corretos: “Para evitar que aconteçam transtornos, é necessário que todos repensem alguns hábitos”, complementa Renato.


Contato com a BRK

Em função do período de Carnaval, os canais digitais da BRK funcionarão da seguinte forma: a agência virtual e o aplicativo “Minha BRK”, o site brk.com.br e o telefone 0800 771 0001, seguem funcionando 24 horas. Já o atendimento por mensagens no WhatsApp, no número (11) 99988-0001, seguirá o recesso de Carnaval, voltando a partir do próximo dia útil (02/03), ao meio-dia.

* Carlos Vinícius Fernandes \ BRK Ambiental \ fotos:divulgação.


Patrocinado:







11 visualizações0 comentário