• Jornal Esporte e Saúde

Brasil tem saldo positivo na estreia do torneio principal no México


Fernanda e bárbara venceram dupla dos EUA na segunda rodada (Créditos: Getty Image/FIVB).


As cinco duplas brasileiras na chave principal do torneio de Chetumal (MEX), etapa quatro estrelas do Circuito Mundial entraram em ação na rodada desta quinta-feira (14.11). No naipe feminino o Brasil teve saldo positivo com vitórias nos quatro jogos disputados: dois por Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), e outros dois por Taiana/Talita (CE/AL). No masculino as três duplas verde e amarelas entraram em quadra em duas ocasiões.


Pelo grupo C feminino Fernanda Berti e Bárbara Seixas garantiram a primeira colocação ao vencerem Gordon/Marcelle (CAN) por 2 sets a 0 (21/16 e 21/15), e Flint/Day (EUA) por 2 sets a 1 (16/21, 21/18 e 22/20). Com isso elas avançam direto para as oitavas de final.


“A parte física conta, mas a cabeça no lugar vale mais em partidas apertadas como essa. Saber lidar com essa pressão, resolver no detalhe, é a chave para vencer jogos tão parelhos. Enfrentamos uma dupla experiente, acostumada a rodar a AVP (Circuito dos EUA) e jogar no Circuito Mundial. Hoje cometemos alguns erros bobos, mas estamos bem no geral, executando bem a tática”, avaliou Fernanda.


No grupo D Taiana e Talita começaram com o triunfo sofre Lunde/Hjortland (NOR) por 2 sets a 0 (21/19 e 21/14). Na segunda partida elas garantiram nova vitória em sets diretos, desta vez sobre Kubickova/Kvapilova, da Rapública Tcheca (21/17 e 21/9), e ficaram em primeiro, com vaga direta às oitavas.


No torneio masculino o Brasil entrou em quadra apenas duas vezes. A dupla Thiago/Guto (SC/RJ) acabou superada logo na estreia pelos canadenses Pedlow e Schachter por 2 sets a 1 (18/21, 21/19 e 17/19), em duelo válido pelo grupo D. Nesta sexta-feira (15.11) eles enfrentam Bykanov/Lokholetov (RUS) precisando da vitória para seguir na competição. No grupo D a disputa foi caseira entre André/George (ES/PB) e Pedro Solberg/Oscar (RJ). O capixaba e o paraibano levaram a melhor por 2 set a 1 (17/21,

21/17 e 19/17).


“O jogo, de certa forma, foi uma chave de revanche para eles (Pedro e Oscar), que nós enfrentamos na semifinal do último torneio em Cuiabá (MT) – pelo circuito brasileiro – e foi um duelo parecido com o de hoje. Eles venceram o primeiro set e nós conseguimos a virada. O Oscar começou muito bem na virada de bola, mas nós conseguimos ajustar nosso jogo e vencer”, comentou André.


Na próxima rodada do grupo D André e George enfrentam Winter/Walkenhorst (ALE), valendo vaga direta às oitavas. Já Pedro e Oscar enfrentam Carambula/Rossi (ITA), precisando vencer para continuar.


* Portal C CBV.



2 visualizações0 comentário