top of page
  • Foto do escritorJornal Esporte e Saúde

Botafogo vence o Bragantino e chega à sexta vitória consecutiva no Brasileirão

Glorioso venceu com tranquilidade o Bragantino no Nilton Santos, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro


Júnior Santos em cabeçada; atacante do Botafogo foi substituído ainda no primeiro tempo Foto: Vitor Silva/Botafogo / Jogada10


Em partida que abriu a 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo venceu o Bragantino por 2 a 0, no Nilton Santos, na noite deste sábado, 15. Os gols foram marcados por Eduardo e Di Plácido, ambos no início do segundo tempo. Assim, o treinado interino Cláudio Caçapa chegou à quarta vitória em quatro jogos pelo Botafogo, com nenhum gol sofrido.


Com o resultado, o Botafogo chegou à sexta vitória seguida no Brasileirão. Agora, são 13 em 15 jogos. Como a campanha tem ainda duas derrotas, o Alvinegro tem 39 pontos, 13 a mais do que o vice-líder Flamengo. O rival, porém, ainda entra em campo neste domingo (16), contra o Fluminense. Ainda na perseguição ao Bota, aparecem Grêmio (26), Fluminense (24), Palmeiras (24), além do próprio Bragantino (24).


Na primeira etapa, o Botafogo, como era de se esperar, chamou a responsabilidade. No entanto, o Glorioso esbarrava na boa marcação do Red Bull Bragantino, mas também nos muitos passes errados. Ainda assim, o futuro time de Bruno Lage levou perigo, como com Tiquinho Soares, Júnior Santos e Luís Henrique antes dos dez minutos. Aos 15,


Aos 15, Luan Patrick recuou errado para Cleiton e quase marcou gol contra. Aos 26, Eduardo arriscou de fora da área, mas parou no travessão. O Bragantino respondeu com Hurtado e quase com Sasha. Quase porque Marçal impediu a finalização quase na cara do gol. Ainda na primeira etapa, o Botafogo viu Tiquinho Soares ter um gol anulado por conta de um toque de mão.


Na segunda etapa, o Botafogo contou com a sorte para abrir o placar aos 2. Cuesta mandou na área, Nathan e Cleiton saíram errado, e a bola sobrou para Tchê Tchê. O volante rolou para Eduardo, que marcou praticamente debaixo da trave. Neste embalo, o Glorioso ampliou aos 14, com Di Placido: Segovia mandou na área, mas Natan afastou mal, e a bola sobrou para o lateral fazer 2 a 0. O Botafogo, então, passou a administrar o resultado.

Em partida que abriu a 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo venceu o Bragantino por 2 a 0, no Nilton Santos, na noite deste sábado, 15. Os gols foram marcados por Eduardo e Di Plácido, ambos no início do segundo tempo. Assim, o treinado interino Cláudio Caçapa chegou à quarta vitória em quatro jogos pelo Botafogo, com nenhum gol sofrido.


Com o resultado, o Botafogo chegou à sexta vitória seguida no Brasileirão. Agora, são 13 em 15 jogos. Como a campanha tem ainda duas derrotas, o Alvinegro tem 39 pontos, 13 a mais do que o vice-líder Flamengo. O rival, porém, ainda entra em campo neste domingo (16), contra o Fluminense. Ainda na perseguição ao Bota, aparecem Grêmio (26), Fluminense (24), Palmeiras (24), além do próprio Bragantino (24).


Na primeira etapa, o Botafogo, como era de se esperar, chamou a responsabilidade. No entanto, o Glorioso esbarrava na boa marcação do Red Bull Bragantino, mas também nos muitos passes errados. Ainda assim, o futuro time de Bruno Lage levou perigo, como com Tiquinho Soares, Júnior Santos e Luís Henrique antes dos dez minutos. Aos 15,


Aos 15, Luan Patrick recuou errado para Cleiton e quase marcou gol contra. Aos 26, Eduardo arriscou de fora da área, mas parou no travessão. O Bragantino respondeu com Hurtado e quase com Sasha. Quase porque Marçal impediu a finalização quase na cara do gol. Ainda na primeira etapa, o Botafogo viu Tiquinho Soares ter um gol anulado por conta de um toque de mão.


Na segunda etapa, o Botafogo contou com a sorte para abrir o placar aos 2. Cuesta mandou na área, Nathan e Cleiton saíram errado, e a bola sobrou para Tchê Tchê. O volante rolou para Eduardo, que marcou praticamente debaixo da trave. Neste embalo, o Glorioso ampliou aos 14, com Di Placido: Segovia mandou na área, mas Natan afastou mal, e a bola sobrou para o lateral fazer 2 a 0. O Botafogo, então, passou a administrar o resultado.


Tchê Tchê tenta o drible em cima de Nathan, do Bragantino – Vitor Silva/Botafogo Foto: Jogada10

Próximas partidas


O Botafogo entra em campo agora contra o Patronato, na próxima quarta-feira (19), às 19h, novamente no Nilton Santos. O embate, porém, é válido pela volta da segunda fase da Sul-Americana, etapa que antecede as oitavas de final. Na partida de ida, vale lembrar, o Glorioso venceu por 2 a 0. Já pelo Brasileirão, o Botafogo agora encara o Santos, no próximo domingo (23), na Vila Belmiro.


Já o Red Bull Bragantino, que já está classificado para as oitavas de final da Sula, terá uma semana livre e entra em campo contra o Internacional, no próximo domingo (23), às 16h, no Nabi Abi Chedid.


BOTAFOGO X RED BULL BRAGANTINO - 15ª Rodada do Brasileirão 2023

Data e hora: 15/7/2023, às 21h


Local: Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ)


Público presente: 37.036


Público pagante: 33.635 37.036


Renda: R$ 1.806.495,00


BOTAFOGO: Lucas Perri; Di Placido, Adryelson, Cuesta e Marçal; Marlon Freitas, Tchê Tchê (Danilo Barbosa, aos 26'/2ºT) e Eduardo (Gustavo Sauer, aos 35'/2ºT); Júnior Santos (Segovia - Intervalo), Luis Henrique (Carlos Alberto, aos 26'/2ºT) e Tiquinho Soares (Janderson, aos 44'/2ºT). Técnico: Cláudio Caçapa


RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Andrés Hurtado, Luan Patrick, Natan e Juninho Capixaba; Matheus Fernandes, Eric Ramires e Lucas Evangelista (Thiago Borbas, aos 10'/2ºT) ; Bruninho (Sorriso, aos 21'/2ºT) , Vitinho e Sasha. Técnico: Pedro Caixinha


Gols: Eduardo, aos 2'/2ºT (1-0) e Di Placido, aos 14'/2ºT (2-0)


Árbitro: Anderson Daronco (FIFA/RS)


Auxiliares: Tiago Augusto Kappes Diel (RS) e Michel Stanislau (RS)


VAR: Rafael Traci (SC)


Cartões amarelos: Cuesta (BOT); Vitinho (BRA)


Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.


* https://www.terra.com.br/esportes/por: redação Jogada10


Divulgação:



Luciana Perfumes e Presentes / 22 99824-9701 / Macaé / RJ


2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page