• Jornal Esporte e Saúde

Botafogo goleia a Portuguesa e se mantém vivo na Taça Rio


Glorioso precisará vencer Americano e de combinação de resultados para se classificar


Botafogo se manteve vivo na Taça Rio - VITOR SILVA/SSPRESS/BOTAFOGO.


Rio - Respirando por aparelhos, mas ainda vivo no Campeonato Carioca, o Botafogo goleou por 4 a 1 a Portuguesa, no Nilton Santos, mesmo sem uma grande atuação. Diego Souza, Ferrareis e Alex Santana mantiveram as esperanças dos alvinegros, ainda que o time precise de um milagre para ir às semifinais da Taça Rio.


Na última rodada, o Glorioso terá que vencer por pelo menos três gols de diferença o Americano, domingo, em Bacaxá, e torcer por uma derrota do Flamengo para o Fluminense e pelo menos um empate da Cabofriense com o Madureira.


O Botafogo teve uma boa chance logo no primeiro minuto, quando Erik deixou Diego Souza em ótimo condição após bela jogada coletiva, mas o camisa 7 finalizou em cima do goleiro, mas parou por aí na etapa inicial. A Portuguesa neutralizou as investidas do Alvinegro e foi superior. Aos 29, o árbitro assinalou pênalti inexistente de Rodrigo Pimpão em Nilson, e só corrigiu o erro após cinco minutos de muita reclamação dos botafoguenses, com auxílio do assistente de linha de fundo.


O papo de Zé Ricardo no vestiário fez o time voltar melhor para o segundo tempo. Aos 9 minutos, Marcinho tentou cruzar e acabou acertando a trave. Diego Souza aproveitou o rebote, sem goleiro, para marcar seu primeiro gol com a camisa do Botafogo. Dois minutos depois, Cícero lançou Ferrareis dentro da área, que nem precisou acertar a bola em cheio para aumentar a vantagem, de voleio.


A Lusa até esboçou uma reação com Nilson, aos 14, que aproveitou falha de Marcelo para diminuir. Mas Alex Santana, aos 21, acertou um belo chute da entrada da área e trouxe de volta a tranquilidade para o Alvinegro. Aos 28, após uma boa jogada de Pimpão, o zagueiro Marcão, contra, decretou a goleada.


* O DIA/Por Danillo Pedrosa.



2 visualizações0 comentário