• Jornal Esporte e Saúde

Ação Social no Lagomar marca comemorações do Mês da Mulher



Com estandes de serviços e orientações de cidadania oferecidos para beneficiar a mulher macaense, o Cras Lagomar foi palco de mais uma ação social da programação do Mês da Mulher, promovida pela Prefeitura, na manhã desta quarta-feira (16). A primeira-dama, Quelen Rezende, prestigiou o evento.

- Como mulher, vim prestigiar, apoiar e agradecer porque essa Ação Social tem que acontecer em cada cantinho do Município, ninguém pode ser esquecido. Parabenizo o Desenvolvimento Social e todas as secretarias que se uniram para fazer esse trabalho tão bonito, porque nossa população merece o carinho e as mulheres do Lagomar como todas as outras têm direitos, porque nós somos todas iguais, não importando o sexo, cor, religião, raça, bairro onde mora, então, temos que ser atendidas num todo e todas –, ressaltou Quelen.

A Ação Social comemorativa ao mês da mulher é de iniciativa da coordenadoria de Políticas para as Mulheres, ligada à secretaria de Desenvolvimento Social Direitos Humanos e Acessibilidade (SDSDHA) para celebrar, com uma vasta programação, o Dia Internacional da Mulher, que este ano teve como tema “Em mulheres me inspiro, por mulheres eu luto!” e, lançar o Ceam Itinerante (Centro Especializado de Atendimento à Mulher “Pérola Bichara Benjamim”). A Ação Social conta com a parceria da Mobilidade Urbana, Adjunta de Trabalho e Renda e o apoio da Cultura, Educação e de outros órgãos públicos e privados.

Durante o evento houve interação dos serviços oferecidos às mulheres e aos cidadãos residentes no Lagomar. As mulheres participantes receberam orientações sobre os Direitos da Mulher, Lei Maria da Penha, Rede de proteção e atendimento à mulher, orientação jurídica (equipe Ceam); Oficina de artes manuais com Zélia Pizo (Espaço Mulher Cidadã); Blitz Educativa e Educação no Trânsito (Mobilidade Urbana), Patrulha Maria da Penha (GM); Orientações e balcão de emprego, 2ª via de carteira de identidade e agendamento (secretaria de Trabalho e Renda); Oficinas, orientações, distribuição de kits e agendamento odontológico para mulheres (coordenadoria Especial de Odontologia); Aferição de pressão, medição de glicose, mamografia e Papanicolau (Escola José Rodrigues)



Políticas Sociais e Igualdade – A ação social do Lagomar ganhou um diferencial nos serviços que foram oferecidos. A coordenadoria de Políticas Sociais e Igualdade, responsável por ofertar programas que fortaleçam os vínculos nas situações de violação de direitos e que visam as relações étnico-raciais, contribuiu com esclarecimentos.

- Aqui nos propomos esclarecer às mulheres que a Prefeitura possui o serviço que cuida da igualdade racial, buscando orientar as pessoas que são acometidas de racismo no seu trabalho, numa repartição pública e até em sua vizinhança. Elas precisam entender melhor sobre os seus direitos e sobre as leis que as amparam e, ainda que tenhamos um país, um estado ou uma cidade com racismo estrutural, porque isso é histórico, temos que conhecer nossos direitos. As pessoas até dizem que o país não é racista, que Macaé não é racista, mas só nós que temos a pele preta é que sabemos – explicou Conceição de Maria, coordenadora de Políticas Sociais e Igualdade.

A moradora do bairro, Sandra Mendonça (49 anos), foi atendida com serviços odontológicos. "Eu vim buscar aqui meu cartão de alimentação da Petrobras e ver como está meu Bolsa Família, vi o movimento, acabei ficando e sendo atendida. Esses serviços aqui muito nos beneficiam como mulher e como pessoas”. As coordenadoras Jane Roriz, Políticas para as Mulheres e Orcilea Baeta, Cras Lagomar, não pouparam esforços para o atendimento das mulheres participantes.


A programação do mês da Mulher prossegue amanhã (17), no Assentamento Celso Daniel e nos próximos dias: 21, no Ceam, com o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial; 23, no Cras Aroeira; 24, no Cras Córrego do Ouro; 25, no Solar dos Melo, com o Dia Laranja: “Os direitos das mulheres na perspectiva dos novos tempos” e dia 31, Webinar (transmissão online, ao vivo) sobre “O trabalho e as possibilidades de atuação das polícias no enfrentamento a violência - O olhar das mulheres na segurança pública” (Neste evento será necessário solicitar link de acesso pelo e-mail: ceam@macae.rj.gov.br).


* texto e fotos: Lourdes Acosta \ Jornalista Profissional \ Comunicação SDSDHA.

1 visualização0 comentário