• Jornal Esporte e Saúde

Ação em conjunto alia informação sobre saneamento e diversão

Força-tarefa formada por secretarias municipais e BRK busca incentivar a ligação à rede de esgoto e ainda o conhecimento desde a infância



Macaé está passando por uma ampliação do sistema para coleta e tratamento de esgoto. São obras que trazem mais qualidade de vida e saúde, mas que, para o adequado recolhimento e tratamento, depende de uma parceria entre poder público, concessionária e a população. Isso porque após a instalação da estrutura, é necessário que os moradores liguem suas propriedades à rede pública. Do contrário, ocorrências que geram grandes transtornos, como vazamentos, podem ocorrer.

Para que a população saiba quando e como pode se ligar à rede instalada, uma força tarefa foi formada pela BRK, Secretaria Municipal de Ambiente e Sustentabilidade e Secretaria Municipal Adjunta de Saneamento. Além de estar percorrendo alguns bairros e informando aos moradores que o sistema de coleta e tratamento de esgoto está pronto para receber a instalação da rede residencial e o prazo para que a interligação seja realizada, um evento especial foi preparado para o mês de dezembro.

O objetivo é colaborar na formação de cidadãos mais conscientes, abordando a importância o saneamento básico desde a infância, com brincadeiras e interatividade. Para isso, na próxima sexta-feira (3), a partir das 8h, na Feira da Praia do Pecado (Beco das Artes), temas como o papel do saneamento na preservação do meio ambiente e na promoção da saúde farão parte de jogos lúdicos, que mostram que o aprendizado sobre o tratamento de esgoto pode ser muito divertido.

Com direito a uma “Corrida do Meio Ambiente”, em que as crianças são as peças principais, e o jogo de memória “Vilões do Esgoto”, os pequenos vão poder interagir com curiosos personagens como “Bete Cotonete”, “Bolinha Óleo de Cozinha”, “Durval Fio Dental” e “João Algodão”.

- Sem dúvida a educação e a conscientização são fundamentais para que o ciclo do saneamento básico funcione efetivamente. O objetivo é que, cada vez mais, sejam observadas melhoras com relação à coleta e ao tratamento de esgoto na cidade. E os bons resultados deste trabalho são frutos de um esforço conjunto – explica o diretor da BRK Macaé, Ricardo Santiago.

Para o secretário de Ambiente e Sustentabilidade, Juninho Luna, as ações realizadas em conjunto com os outros órgãos da Prefeitura e BRK têm contribuído para a ampliação da destinação ambientalmente adequada dos esgotos sanitários no município:

- A conscientização da população e a ligação das residências à rede de coleta de esgotos, com encaminhamento para o tratamento, são essenciais para a melhoria da qualidade dos recursos hídricos, como as nossas praias, os rios e a Lagoa de Imboassica – ressalta Juninho Luna.

* Carlos Vinicius Fernandes / Por Assessoria BRK / Foto: Arquivo BRK.




2 visualizações0 comentário